Programas na TV

A Deriva Discovery

A deriva Discovery

A Discovery mais uma vez consolida como uma potência da TV no tema sobrevivência. Os admiradores das mais variadas formas de sobrevivência podem ficar felizes com mais esse ótimo programa: A Deriva Discovery. Cansaço físico, mental, sofrimento e muita superação é o que veremos nesse programa.

A Deriva Discovery

 

Como é esse programa?

A cada semana, quatro participantes passarão sete dias em alto mar, no oceano Atlântico em uma área conhecida como Triângulo das Bermudas. Essa série sugere um experimento onde os participantes simulam uma situação de sobrevivência pós naufrágio perdidos, expostos e desemparados no oceano

Os quatro são divididos em duas duplas, e o legal do programa é que vemos a diferença entre a forma como ambos lidam com as situações. As duplas estão em locais diferentes no oceano e sem nenhum contato entre si. Eles estão À Deriva em botes infláveis sem comida ou água potável.

Mas eles ficam completamente desamparados?

Não. Não ficam totalmente desamparados pois eles têm a ajuda de um kit de sobrevivência básico, que pode conter rede de pesca, linha, cobertor térmico, um mini dessalinizador, protetor solar, chapéus, óculos de natação, dentre outros possíveis itens.  Em caso de problemas médicos, caso não queiram se retirar do programa, eles podem receber o atendimento e seguir no desafio. Também eles podem desistir a qualquer momento e pedirem para ser retirados pela Discovery ; Eles têm acesso a um rádio, que ao acionar um botão, automaticamente já estão cientes que estão fora do desafio.

à deriva

Desafios

Sol, calor e frio

O período que eles precisam suportar é de 7 dias ou então devem encontrar alguma forma pra fazer o bote deles pegar uma corrente marítima, de ventos, ou até mesmo remar para chegar a terra firme antes e pôr fim ao desafio.
Dentre os desafios de estarem À Deriva em alto mar, destaco o sol escaldante e a pouca ou nenhuma proteção que têm para passar por isso. Na realidade não há sombra, eles precisam improvisar. Imagine ficar totalmente exposto ao sol durante vários dias, é um inferno. Junta isso a desidratação e água salgada em seus corpos – eles viram cacos humanos. Quando chega as noites, naturalmente ocorre uma queda brusca de temperatura, eles sentem muito frio,  já que também o movimento do mar e das ondas os mantém o tempo todo molhados.

Tubarões

Eles ficam realmente expostos a tubarões. O bote em si, bem como as tentativas de se alimentar já atraem tubarões e esse é um risco considerável.  Recentemente foi exibido um episódio que um dos participante pescou um filhote de tubarão e eles tiveram dificuldades para matar o bicho sem se ferir.

 

Água potável

Há estudos que falam que é melhor tomar pequenos goles de água salgada, do que não tomar água nenhuma. O seu próprio corpo eliminará o sal ingerido através da urina e as chances de sobreviver são um pouco maiores do que não tomar água nenhuma. Para saber mas a respeito disso que falei veja o post como sobreviver a naufrágios.
Felizmente eles têm acesso a um pequeno dessalinizador de mão, que demanda muito desgaste físico para produzir pouca água potável. É um recurso que eles têm, mas que se mostra insuficiente devido a desidratação provocado pelo sol e calor. No caso de pescarem algo, os fluídos do peixe também servem para hidratar, e com um pouco de sorte, em um dia de chuva eles podem captar a água e se hidratarem.

Alimentos

Eles podem comer algas marinhas ou tentar pescar algo. Não existem opções que não sejam essas. Com o auxílio de um óculos de natação e após criarem uma rede de pesca, eles podem conseguir alguma criatura marinha. Um detalhe importante que é impossível eles fazerem fogo dentro do bote, então toda alimentação deve ser comida crua.

Produção

A equipe de produção, assim como em Largados e Pelados, é orientada a não interagir com os participantes. Os registros subaquáticos são feitos por um cinegrafista com câmeras à prova d’água, há três câmeras fixas no bote que mostram suas situações e eles também têm acesso a uma câmera portátil para registrar os momentos que acham mais pertinentes.

Recompensa financeira

A recompensa de À Deriva não é financeira. Teoricamente – assim como em Largados e Pelados – eles não recebem nenhum dinheiro. Os vencedores são aqueles conseguirem dominar a natureza em situações totalmente desfavoráveis para a sobrevivência humana. Apenas o fato de sobreviverem já fazem deles vitoriosos e essa é a maior recompensa que podem ter.

À Deriva é transmitido pela Discovery nas Terças de aventura as 23:10. Também é reprisado nos domingos as 21:30 e em outros horários durante o dia.

Nosso site\blog não quer possivelmente ferir regras de direitos autorais, portanto fazemos nesse post apenas um texto dissertativo e não armazenamos nenhum vídeo da Discovery . O link com vídeo de um episódio foi retirado do Youtube e nosso site apenas publica o link confiável para informar os fãs de programas da Discovery e não somos responsáveis pela postagem de nenhum episódio na internet.

You Might Also Like

Nenhum comentário

Leave a Reply