Curiosidades

Alimentação em Largados e Pelados

alimentação de sobrevivência

Estamos inseridos em uma realidade moderna onde conseguimos com praticidade todos nossos alimentos no mercado mais próximo de nossa casa. Sem dúvida um sobrevivente na natureza, distante da civilização, não têm essa comodidade. Como é a alimentação em Largados e Pelados ? Como os participantes conseguem seus alimentos? Quanto tempo ficam sem se alimentar?

alimentação primitiva lula

Alimentação equilibrada

Antes de entrarmos no assunto sobre a alimentação dos sobreviventes de Largados e Pelados é importante uma breve introdução sobre a importância de uma alimentação equilibrada. Todos nós precisamos se alimentar bem para manter o corpo em perfeito funcionamento e menos suscetível a diversas doenças e infecções.

A alimentação constitui a principal forma de cuidar da sua saúde, não só física mais também mental. Além de resultados imediatos existem benefícios em longo prazo. Ninguém tem tempo para ficar doente, sofrer com dores generalizadas ou mau humor crônico.

Devemos respeitar o nosso corpo e nosso organismo e tornar os nossos hábitos melhores. Quando você se alimenta mal seu corpo sofre. Alimentos gordurosos como frituras, massas brancas, doces e embutidos, são nocivos para todas as células do corpo.

A conseqüência não está apenas na sua forma física (que convenhamos é muito importante), ela também aparece através de: rugas, cansaço, irritabilidade, falta de concentração, sonolência, doenças degenerativas como diabetes, demência, Alzheimer, dentre outros.

O ciclo vicioso do comer mal, se sentir péssimo e ficar doente pode ser revertido. Você pode se alimentar bem, melhorar o humor e ser saudável e isso só depende de você.

Alimentação em Largados e Pelados

alimentação em largados e pelados

Os participantes de largados e pelados realmente têm muita dificuldade para conseguir se alimentar. Mesmo que consigam algum alimento nunca será completo nutricionalmente com tudo o que o corpo necessita.

Por isso eles precisam diversificar e não ter nojo do que conseguem. Em uma situação de sobrevivência você deve estar preparado para ingerir qualquer tipo de insetos, frutas e vegetais, caças e o que mais encontrar.

Para isso é importante conhecer o que a natureza lhes oferece, inclusive saber distinguir o que pode ou não ser ingerido.

Dentre alguns exemplos de alimentos que já foram ingeridos por participantes de largados e pelados podemos citar:

Répteis e Anfíbios

Jacarés, lagartos, cobras venenosas ou não, tartarugas e rãs.

Alimentos repteis e anfibios

Alimentos em largados e pelados répteis e anfíbios

alimentação em largados e pelados rã

Caças

Veados, vários tipos de pássaros, esquilos, marmotas, ratos, pacas, coelhos, porcos-espinho, javalis, dentre outros pequenos mamíferos.

Alimentos roedores

 

alimentação em largados e pelados

Peixes e Criaturas aquáticas

Enguias, lambaris, piranhas, arraias, cascudos e todos os tipos de animais aquáticos.

alimentos pesca primitiva

enguia largados e pelados

Frutas e Vegetais

Foram diversas frutas e vegetais silvestres que eles ingeriram. Nesse artigo em destaque você poderá ver um artigo com mais de 2000 mil palavras com fotos e descrições de frutas e folhas comestíveis que podem salvar sua vida em uma situação de sobrevivência.

Alimentos plantas comestiveis

A falta de conhecimento de um fruto impróprio para consumo fez 4 participantes abandonarem com sérios problemas de saúde em Largados e Pelados A Tribo 2. Um artigo completo sobre esse envenenamento em largados e pelados você vê clicando aqui.

envenenamento em largados e pelados

Insetos e Larvas

Grilos, escorpiões, formigas, cupins, besouros, aranhas (Tarântula), larvas, vermes, etc…

Alimentos insetos

Largados e Pelados Kim

Como eles conseguem os alimentos?

Sem dúvida com o passar do tempo os participantes ficam com seus corpos fragilizados por diversos fatores e dentre eles eu destaco a privação de sono. Mesmo assim eles precisam ir atrás de seu alimento.

Toda busca por alimento que envolve um alto gasto calórico pode ser muito prejudicial para o organismo. Portanto a forma mais eficiente são as armadilhas.

armadilhas de caça

armadilha para caçar peixes

 

armadilha para caçar peixe

O legal de fazer boas armadilhas é que após estarem prontas e armadas elas trabalham por você enquanto você têm tempo para realizar outras atividades de sua sobrevivência.

Restrições

Um fato importante que talvez muitos aqui não saibam é que em alguns países em que é exibido Largados e Pelados é proibido a caça de alguns animais silvestres. Portanto muitos participantes não podem nem tentar caçar alguns animais.

Por exemplo na Tailândia, Darrin não pode tentar caçar os macacos que roubavam suas bananas.

No Brasil as leis são muito rígidas em relação a caça e isso atrapalha muito a sobrevivência dos participantes. Talvez por esse motivo só foi filmado apenas um episódio aqui nos Lençóis Maranhenses

Assista ao trecho da entrevista com Trent que ele fala um pouco sobre restrições de caça e também sobre como foi sua alimentação durante o programa. Á partir do minuto 7:17 abaixo:

Quanto tempo ficam sem se alimentar?

A edição de largados e pelados precisa escolher bem o que vai ao ar. São 21 dias ou mais de 30.000 minutos de gravação para serem reduzidos a 42 minutos do episódio.

Não é possível mostrar tudo o que eles comem no programa e nem é interessante fazer isso. O sofrimento deles e a fome que passam faz parte do entretenimento que boa parte do público quer ver.

Em quase todas as entrevistas que fiz nesse site os participantes afirmaram que comeram algo todos os dias. Não é real o que é mostrado que o participante passou fome por semanas e de repente algo aparece bem no dia anterior a extração.

Conclusão

Sem dúvida a alimentação é uma parte essencial da sobrevivência. Para sobrevivermos em uma situação similar a que os participantes de Largados e Pelados passam devemos perder o medo ou o nojo de consumir esses alimentos.

Precisamos aprender a preparar esses alimentos, a saber distinguir o que é ou não próprio para consumo e mesmo assim a forma como o nosso corpo vai reagir aquilo ainda é incerta.

Não existe uma matemática certa em relação a como nosso corpo funciona em um ambiente assim ingerindo alimentos tão incomuns.

Portanto cada um deve tentar conhecer seu próprio organismo, respeitar o seu corpo e conhecer seus limites. Espero que tenham gostado desse post, um abraço a todos.

alimentação em largados e pelados

 

alimentação primitiva passar mal

You Might Also Like

Nenhum comentário

Leave a Reply

Close