Entrevistas

Largados e Pelados Paolo Di Girolamo

Paolo Di Girolamo

Paolo é um cara bem humilde, uma pessoa batalhadora, bem humorado e foi um prazer pra mim conhecê-lo melhor. Ele participou de um episódio especial para os fãs. Foi um episódio mais reduzido de 14 dias e ele mandou bem com sua parceira. Segue entrevista completa com esse participante de largados e pelados Paolo Di Girolamo.

Largados e Pelados Paolo, fã do programa

Largados e Pelados Paolo Di Girolamo

Paolo Di Girolamo por favor apresente-se. Conte-nos um pouco sobre você.

Ola! Obrigado por ter me convidado pra essa entrevista, isso significa muito para mim! Estou vivendo na área de Boston e trabalho como pedreiro. Estar ao ar livre e ativo sempre foi importante para mim, pois me mantém em contato com o mundo ao meu redor, em vez de estar em casa e no computador. Eu gosto muito de viagens e adoro explorar novos lugares, bem como culturas.

Inscrição em largados e pelados

Paolo, você é uma inspiração para todos os fãs que desejam participar de Largados e Pelados. Conte-nos como foi o processo de seleção e por que decidiu participar?

É muito gentil da sua parte dizer isto. Estou feliz que minhas experiências possam motivar a todos para tentar este desafio. O processo de seleção para este episódio em particular foi um pouco diferente do que o resto. Uma vez que este foi o primeiro episódio para fãs teve um concurso para escolher os sobreviventes. Primeiro, eu tinha de apresentar um vídeo de um minuto no YouTube explicando brevemente por que eu seria um bom participante, segue vídeo a seguir: (Em breve atualizarei esse post com o vídeo com tradução em português)

Junto com o meu havia centenas de outros vídeos de homens e mulheres que fizeram o mesmo. Após isso foram selecionados alguns vídeos e colocados alguns possíveis participantes no site da Discovery para que fossem escolhidos através de uma votação para que enfim escolhessem eu e Kristin. Depois disso ainda houve dezenas de entrevistas por Skype, papelada, alguns voos para Califórnia e eu estava oficialmente escolhido para ser o representante masculino nesse episódio para os fãs!

Alimentação

Qual foi o maior  período que ficou sem alimento? Comeu algo repugnante?

O mais longo período que passei sem comida foi cerca de dois dias. Kristin e eu só tínhamos mastigado algumas folhas, sem colocar nada de significativo no nosso estômago. Foi difícil manter o ânimo sem alimento.

Repugnante é um termo relativo quando você vai comer qualquer coisa que você conseguir pegar! Eu comi cupins por pouco tempo, mas eles não eram muito bons, nem conseguiam me satisfazer (risos). A cobra coral eu peguei e realmente um monte de gente teria corrido, mas eu lhe digo que foi uma refeição deliciosa.

Perigos e desafios

Quais foram os maiores desafios e perigos que vocês ficaram expostos? Como poderia superá-los?

Os maiores desafios que enfrentamos foi a fome constante e frio! Eu considerei brevemente desistir no início, quando eu percebi que a comida não estava disponível nos montantes que eu precisava, a fim de prosperar. Foi debilitante passar por um dia inteiro depois de comer apenas 200 ou menos calorias quando você tinha queimado cerca de 3000, a fim de obter água, manter o fogo aceso, construir o abrigo, forragem, etc.

Para comer por exemplo, você não poderia simplesmente sentar e comer pois antes tinha que pegar, preparar e cozinhar os alimentos e isso era cansativo . Houve até um dia que eu matei uma cobra coral venenosa apenas para que Kristin e eu tivéssemos a oportunidade de comer algo naquele dia. Na selva realmente faz aflorar em você seu animal interior … Você deve comer ou será comido.

Nosso outro perigo foi a exposição aos elementos. Nas noites em que ainda não tínhamos feito uma fogueira passávamos uma longa noite tremendo o tempo inteiro e o único conforto que tínhamos era que em breve iniciaria um novo dia e teríamos o sol pra nos aquecer. Você começa a sentir o frio em seus ossos e não pode fazer nada para aquecê-lo, e a brisa constante tira qualquer calor que poderia ser produzido. Depois que nós fizemos fogo (não foi fácil e levou a melhor parte de um dia) era como se nós poderíamos então se concentrar em prosperar em vez de simplesmente sobreviver.

Expectativas

Você participou por 14 dias nesse episódio especial com a participação de uma dupla de fãs do programa. Você acredita que suportaria os 21 dias?

Sim, eles planejaram para 14 dias já que fomos os primeiros fãs da série, e não éramos ex combatentes do exército nem crescemos em uma comunidade exercitando a sobrevivência. Apesar de ter sido terrivelmente difícil, eu acho que os 21 dias poderia ter sido possível. No entanto, eu não acho que poderia ter sobrevivido os 21 dias em conjunto, já que a oferta de alimentos era tão baixa que não era o suficiente para uma pessoa, muito menos para duas. Se tivessem feito a proposta eu ficaria feliz em assumir o desafio 21 dias.

Parceira de desafio

O que você achou sobre sua parceira e a forma como trabalharam juntos? Fale-me sobre ela.

Kristin e eu passamos 24 horas por dia juntos por duas semanas seguidas, então naturalmente houve um pouco de atrito aqui e ali. Houve um dia em que entramos em uma discussão e eu disse a ela que eu não compartilharia mais minha comida com ela e ela precisava sozinha manter seu próprio peso.

Isto causou muita tensão no acampamento por alguns dias, nós não nos falamos muito e pra piorar ele fez coisas muito ruins em uma situação já difícil. No entanto, nós trabalhamos juntos muito bem e fomos capazes de superar nossas diferenças, a fim de empurrar um ao outro até o fim. Kristin teve comigo conversas estimulantes  afim de me manter focado e eu às vezes fisicamente a ajudei durante a extração. Foi um esforço de equipe incrível para chegar até o final.
Largados e Pelados Paolo Di Girolamo

Problemas de saúde e perda de peso

Lidou com problemas de saúde física ou mental adquiridos durante o desafio ao retornar pra sua casa?

Felizmente eu tenho um estômago e sistema imunológico fortes. Durante o meu tempo na Nicarágua eu nunca tive problemas com minha saúde. Eu no entanto, perdi 35 libras (15,5 kg), e a minha namorada na época não ficou feliz com isso. Então, eu tive que passar as próximas semanas comendo tudo e qualquer coisa que eu queria. Bolo à meia-noite, com certeza! sorvete para café da manhã, era bom também!

Recebeu dinheiro

Você realmente não recebeu nenhum dinheiro para participar do programa? A exposição que recebe ao participar fez mudar algo em sua vida socialmente ou financeiramente?

Não há “Grande Prêmio”, como muitos programas dão aos vencedores / finalistas. Para esta experiência você é recompensado na divulgação dos direitos e ganhando o direito de dizer que você sobreviveu, largado e pelado.

Socialmente ás vezes sou reconhecido e em festas sempre conto histórias interessantes. Não é todo dia que você encontra alguém que viveu pelado na selva durante semanas a fio!

Você participaria de novo?

Eu absolutamente participaria novamente! Foi uma experiência de mudança de vida que me fez uma pessoa melhor.
Largados e Pelados Paolo Di Girolamo

Suas mídias sociais:
Instagram @naked.and.not.afraid

Twitter @nakedandnotafraid

Largados e Pelados Paolo Di Girolamo

You Might Also Like